• Durante a gestão 2011, a Avina amplia sua presença territorial no México com o objetivo de promover vínculos e parcerias entre redes e parceiros mexicanos, e as redes e parceiros do resto da América Latina. Atualmente, a organização está presente em 14 países latino-americanos por meio de equipes autoreguladas em sistemas presenciais e virtuais, ao mesmo tempo em que trabalha em outros quatro países da região por meio de seu apoio a redes.

 

  • Em 2011, a Avina investiu 9,8 milhões de dólares em 735 novas iniciativas, um aumento de 9% no número de projetos em relação à gestão de 2010. Esses recursos foram destinados ao apoio de iniciativas de desenvolvimento sustentável de aliados e parceiros em todo o continente. Além disso, o volume total de recursos mobilizados para nossos parceiros por ação direta e indireta da Avina superou 45 milhões de dólares.

 

  • Durante 2011, a Avina registrou 75 realizações relevantes que constituíram mudanças concretas e beneficiaram milhões de pessoas em todo o continente. Foram registradas nove realizações com impacto direto ou indireto em mais de um milhão de latino-americanos. Muitas dessas realizações estão descritas neste relatório.

 

  • Uma pesquisa anual sobre o clima organizacional da Avina teve a participação de 85% de seus 115 colaboradores. Em 2011, foi obtida uma média geral de 89 pontos de satisfação em 100, enquanto a média do mercado é 76. Um resultado acima de 80 é considerado muito satisfatório e, em 2010, a média geral foi 83 pontos de satisfação. Dessa forma, 89 pontos representam um aumento importante.

 

 

  • No nível regional, a Avina contribuiu para a ampliação de iniciativas relacionadas à Energia e Educação de Qualidade, Patagônia, Migrações, Mudanças Climáticas e para o Bioma Chaco, com aliados e parceiros de vários países do continente. Foram criadas plataformas de diálogo e ação entre setores do governo, empresas e sociedade civil, para a definição de políticas públicas e de agendas de colaboração.

 

 

  • Com o objetivo de difundir as causas que a Avina e seus parceiros apoiam, na gestão de 2011 começamos a participar de meios digitais como o
    Twitter
    , Facebook e Youtube, entre outros, para alcançar milhares de pessoas.

 

  • Através de metodologias de escuta interna, consulta externa e participação ampla, no fim de 2011, a Avina deu início ao seu processo de planejamento estratégico para o período de 2013-2017, quando revisará suas premissas institucionais, refletirá sobre o contexto global e as tendências da América Latina e definirá os objetivos que almeja alcançar nos próximos cinco anos.

 

  • Depois de mais de dez anos de apoio à implementação, difusão e apropriação da Responsabilidade Social Empresarial (RSE) na América Latina, a Avina decidiu reunir tudo o que foi aprendido nessa década. Por meio de entrevistas com dezenas de protagonistas do movimento em toda a região, foram consolidadas algumas conclusões e recomendações para o futuro em uma memória disponível eletronicamente intitulada “En busca de la sostenibilidad“.

 

  • A Avina, em parceria com outras organizações e expoentes em nível global, colaborou para a criação de um Índice Global de Progresso Social para melhorar a forma pela qual é medido o desempenho e o desenvolvimento das nações internacionalmente.